Diário de uma corredora grávida [parte 14]

Diário de uma corredora grávida [parte 14]

E lá se vão mais algumas semaninhas para a conta, começando agora uma contagem regressiva, pois cada dia que passa me aproximo mais de conhecer esse anjinho que hoje habita em meu ventre.

Nesse período confesso que estou mais inclinada a viver o momento plenamente, e a questão esportiva, de me exercitar tem sido menos praticada.

Tenho feito somente caminhadas, bem leves e com pouca frequência, porém o cansaço que sinto mesmo nos dias em que não vou caminhar é igual ou maior do que os dias mais intensos de treino!

Li num livro (A mulher atleta) que o esforço que a mulher demanda para gestar é semelhante ao esforço de um treinamento intenso, por isso se considera que a gravidez é um permanente treinamento e que o trabalho de performance é realizado, mas logicamente de outras formas.

Sei que isso tem me fortalecido, pois nós grávidas passamos constantemente por momentos em que estamos no limite: físico, sentindo dores, cansaço, fome… psicológico: o “ter paciência” para suportar com serenidade todas essas transformações e se manter em equilíbrio, é um exercício constante de lidar com as adversidades, mantendo sempre o foco.

E na corrida também encontramos esses elementos que nos levam aos limites e que nos fazem seguir em frente e conquistar.
Como já havia falado em outro post, tenho feito exercícios de fortalecimento do assoalho pélvico, para me preparar para o parto normal, e agora também um exercício de respiração para melhorar a oxigenação e ficar mais “energizada” entre as contrações. É bem simples e consiste em inspirar até encher os pulmões de ar, permanecer com eles cheios durante 3 segundos, em seguida soltar o ar pela boca como se estivesse soprando uma vela. A orientação que recebi é fazer isso por 10 minutos ao dia.

Este é o último post do ano, nesse momento estou com 33 semanas e só tenho a agradecer por todas as oportunidades de crescimento que tive esse ano, principalmente à Maxxyma por abrir esse espaço para compartilhar minhas impressões sobre a corrida e a gravidez, desejo a todos boas festas, que o ano de 2015 seja repleto de sonhos e realizações, e que cada um encontre a felicidade em tudo o que fizer! Nos encontramos novamente em 2015!

Luciana Claassen

Luciana Claassen

  • Atleta e estudante de educação física
  • Mãe do Yuri

Deixar um comentário